Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cabo Verde Island Tours

espere para ver! wait to see!

Cabo Verde Island Tours

espere para ver! wait to see!

Condições Climatéricas para a semana (16 a 23 Janeiro 2017) no Arquipélago de Cabo Verde

Climatic Conditions for the week (16 to 23 January 2017) in the Archipelago of Cape Verde.

 

História do Grogue

O grogue, também conhecido por Grog,  é tradicionalmente uma bebida alcoólica quente feita à base de rum, água e açúcar. O almirante inglês Edward Vernon,  apelidado de Old Grog (daqui a denominação da bebida), tornou-se célebre, em 1740, ao mandar os marinheiros aumentar a ração de rum adicionando água, mas mantendo a ração de rum dos oficiais sem nenhuma mistura.

As principais ilhas produtoras do grogue são Santo Antão (responsável por maior quantidade e melhor qualidade), Santiago e São Nicolau, todas em Cabo Verde.

A produção de grogue (aguardente) inicia-se, óbvio,  na plantação da cana-de-açúcar. Ela precisa ser cuidada por um período de um ano.

Um pé de cana-de-açúcar, daqueles bem poderosos, pode fornecer até seis litros de caldo.

Uma curiosidade. Em Cabo Verde toda a cana é cortada pelos trabalhadores com um machado. Não se utilizam de nenhum tipo de máquina ou outro objeto para esta tarefa.

Sua produção é artesanal e praticamente toda a cana cultivada no país é processada nos tradicionais trapiches movidos a boi.

Trapiche é a máquina onde o suco (caldo) é tirado da cana-de-açúcar através de dois bois que andam a volta do trapiche para fazer a máquina rodar.

Posteriormente, o suco é guardado em grandes barris de madeira durante 12-15 dias para ficar bem fermentada. Usa-se a fermentação aberta – a bactéria no ar ajuda no processo. O açúcar é transformado em álcool – e numa fermentação perfeita todo o açúcar resulta em álcool.

Depois de fermentado, o suco vai para o destilador – chama-se alambique. É um caldeirão feito de metal, e é como um forno no chão. O alambique aquece e o suco começa a ferver. Em 78°C Etanol, é exatamente o álcool que queremos. O caldeirão é ligado a um tubo, onde é colocado água. O álcool evaporado condensa-se e transforma-se no grogue que bebemos.

Na ilha de Santo Antão existe uma regra de ouro: só se pode destilar entre 1 de Janeiro e 31 de Julho de cada ano. Depois desta data os destiladores são todos selados e nenhum recipiente é contado. Se alguém for apanhado produzindo fora deste período, corre o risco de ser multado. Desta forma o governo busca garantir o nível de qualidade da bebida.

Mas beber o grogue puro é para poucos! Sua graduação alcoólica gira em torno de 38 a 54%.

Tem gente que diz que ele “desce rasgando” e por isso é muito comum que ele seja misturado ao mel, virando o famoso ponche. A mescla também pode ser feita com as mais variadas frutas!

No groque podem também ser mergulhadas ervas medicinais, como por exemplo a arruda, o alecrim e a erva-doce. Existe também grogue com percebes, um crustáceo muito apreciado como alimento na Península Ibérica.

Visitando alguns locais turísticos é possível encontrar caipirinha preparada com grogue.

 

History of the Grog

Grog, also known as Grog, is traditionally a hot alcoholic beverage made from rum, water and sugar. British admiral Edward Vernon, dubbed Old Grog (hence the name of the drink), became famous in 1740 by sending the sailors to increase the ration of rum by adding water, but keeping the rations of rum of the officers without any mixture.

The main producing islands of the grog are Santo Antão (responsible for more quantity and better quality), Santiago and São Nicolau, all in Cape Verde.

The production of grog (aguardente) begins, obviously, in the planting of sugar cane. It needs to be taken care of for a period of one year.

A foot of sugar cane, of those very powerful, can supply up to six liters of broth.

A curiosity. In Cape Verde all the cane is cut by the workers with an ax. No type of machine or other object is used for this task.

Its production is handmade and practically all the cane cultivated in the country is processed in the traditional mills driven by oxen.

Trapiche is the machine where the juice is extracted from the sugar cane through two oxen that walk around the mill to make the machine roll.

Subsequently, the juice is stored in large wooden barrels for 12-15 days to get well fermented. Open fermentation is used - the bacteria in the air helps in the process. Sugar is transformed into alcohol - and in perfect fermentation all sugar results in alcohol.

After fermented, the juice goes to the distiller - it is called alembic. It is a cauldron made of metal, and it is like an oven on the floor. The alembic warms up and the juice begins to boil. At 78 ° C Ethanol is exactly the alcohol we want. The cauldron is connected to a pipe, where water is placed. Evaporated alcohol condenses and becomes the grog we drink.

On the island of Santo Antão there is a golden rule: it can only be distilled between January 1st and July 31st of each year. After this date the distillers are all sealed and no container is counted. If someone is caught producing out of this period, they risk being fined. In this way the government seeks to guarantee the level of quality of the drink.

But drinking the pure grog is for the few! Its alcoholic strength ranges from 38 to 54%.

There are people who say that it "descends tearing" and so it is very common that it is mixed with honey, turning the famous punch. The mix can also be made with the most varied fruits!

In the grock can also be dipped medicinal herbs, such as rue, rosemary and fennel. There is also grog with barnacles, a crustacean very appreciated as food in the Iberian Peninsula.

Visiting some tourist sites you can find caipirinha prepared with grogue.

78efcb0d843353ff50e95c5dc929c159_XL.jpg

247614_106932182730854_100002422190315_65298_58754

428581_233647246726013_100002422190315_485565_5618

cv_grogue_confeccao.jpg

grogue (1).jpg

Grogue.jpg

IMG_9187.jpg

Trapitche.jpg

 

Para consultar as condições climáticas de todas as ilhas e cidades de Cabo Verde clique no link abaixo:

 

To see the weather of all the islands and cities of Cape Verde click the link below:

 

http://cv.freemeteo.com/clima/?language=portuguesebr&country=cape-verde